REGIONAL LPD: PARANAÍBA FICA DUAS VEZES A FRENTE MAS SOFRE EMPATE NO FINAL E DEIXA ESCAPAR A VANTAGEM PARA O JOGO DA VOLTA.

Tudo igual na primeira partida entre Presidente Olegário e Paranaíba. Na partida realizada neste sábado(26) no estádio José Drummond de Castilho em Presidente Olegário pela a primeira partida das Quartas de Final do campeonato Regional da Liga Patense. Com um intenso calor, o terceiro duelo entre essas duas equipes em competições regionais nas últimas duas temporadas trouxe mais uma vez muitas emoções aos torcedores.

O Paranaíba contava com a volta dos jogadores Ronaldo, Guina, Rudson e Saulo mas tinha a ausência de Fabiano Mikin que tinha compromissos particulares. O técnico Erick Borges promoveu a volta de todos os ausentes na vitória anterior sobre a Seleção Pinheirense o que causou uma deficiência na marcação principalmente com o posicionamento dos volantes onde apesar de Luiz Bispo participar bastante do jogo, ele e Rudson pareciam confusos quanto ao correto posicionamento na entrada da área. No Presidente Olegário algumas novidades em relação ao time que enfrentou o Paranaíba na primeira fase, com Poneis, jogando na lateral esquerda já que Cosminho estava suspenso, e Thiaguito no meio campo. E o Presidente Olegário começou buscando o ataque e a 1 minuto e cinquenta segundos, o goleiro Arlem, fez uma incrível defesa. O Presidente Olegário continuava melhor em campo e o Paranaíba apresentava uma deficiência no posicionamento dos volantes principalmente com Rudson, a atuação mais apagada do jogo e com isso o time da casa conseguia chegar com facilidade até a linha de defesa adversária. Aos 14 minutos após uma cobrança de lateral pela direita, Ronaldo lançou Marcel na área, que deu um drible de corpo no defensor e bateu forte, o goleiro Wesley rebateu para o alto e Guma de cabeça abriu o placar para o Galinho Carmense. PRESIDENTE OLEGÁRIO 0 X 1 PARANAÍBA.

Após o gol, o Paranaíba assumiu o controle da partida e o Presidente Olegário passou a usar dos contra-ataques, sempre perigosos. Aos 28 minutos em uma cobrança de falta, Arlem conseguiu fazer a defesa, mesmo se atrapalhando com areia colocada na pequena área. Aos 34 minutos após uma cobrança de falta na defesa do Paranaíba a bola sobrou para Saulo que da intermediária bateu de primeira sem chances de defesa para Wesley marcando um belo gol. PRESIDENTE OLEGÁRIO 0 X 2 PARANAÍBA.

O Paranaíba continuou buscando o ataque e bonitas jogadas eram trabalhadas principalmente com Marcel, Guma e Wiliam Paulino. Aos poucos o Presidente Olegário foi empurrando o sistema defensivo do Paranaíba que não marcava a saída de bola do adversário. Aos 43 minutos a bola bateu na mão do volante Luiz Bispo dentro da área e o Arbitro Vanderlei Silva marcou pênalti de maneira acertada. O artilheiro Frank cobrou com muita categoria aos 45 minutos e diminuiu o placar. PRESIDENTE OLEGÁRIO 1 X 2 PARANAÍBA.

O gol incendiou o Presidente Olegário e apenas dois minutos após, aos 47, depois de Henrique Cavalo receber a bola de Cristiano Neném, ele girou no meio de dois marcadores e bateu cruzado da entrada da grande área, marcando um belíssimo gol. PRESIDENTE OLEGÁRIO 2 X 2 PARANAÍBA.

O técnico Cleiton Rogério foi expulso por reclamação.

O segundo tempo trouxe um Paranaíba mais ofensivo e com as suas linha de marcação mais avançadas. Rudson estava melhor posicionado e Luiz Bispo mostrava a mesma disposição da primeira etapa. Aos 2 minutos e cinquenta, Ronaldo cobrou uma falta na ponta esquerda sofrida por Marcel e Saulo desviou para as redes, mas o árbitro deu o gol para Ronaldo que colocou Galinho Carmense novamente a frente. PRESIDENTE OLEGÁRIO 2 X 3 PARANAÍBA.

O Paranaíba melhor posicionado em campo assumiu o controle do jogo e chances de gols foram criadas. Várias boas jogadas foram apresentadas mostrando a qualidade dos jogadores. O Presidente Olegário jogava nos contra-ataques sempre perigosos. Aos 27 minutos o técnico Erick Borges realizou a primeira alteração e não foi tão feliz em suas escolhas como nas partidas anteriores. Apesar de mandar para o aquecimento o meia Gilbertinho e o centroavante Vinícius, indicado por ele, o treinador substituiu o atacante Saulo pela meia. Gilbertinho até entrou bem no jogo e o Paranaíba ainda criou boas chances. Marcel fazia uma partida impecável, defensiva e ofensivamente. Aos 32 minutos a alteração mais questionada do jogo, Wiliam Paulino saiu para entrada de Serginho, mudança que não surtiu nenhum efeito positivo. O Paranaíba ainda reclamou bastante de um pênalti em Marcel que invadiu a área com total possibilidade de gol. Segundo a interpretação do árbitro o meia se jogou após receber uma entrada de carrinho. De onde estávamos, tivemos a impressão de penalidade máxima. Góes entrou no lugar de Rudson e Vinícius no lugar de Guma que estava bem no jogo. Com as mudanças o Paranaíba perdeu a coordenação dentro de campo e o Presidente Olegário cresceu no jogo novamente. Aos 45 minutos a bola tocou no braço do zagueiro Góes e o árbitro novamente assinalou pênalti. Frank mais uma vez bateu com categoria e empatou o jogo. PRESIDENTE OLEGÁRIO 3 X 3 PARANAÍBA.

Com o empate ninguém leva a vantagem para a próxima partida no estádio João Luiz de Carvalho.  Quem vencer por qualquer placar passa para a Semifinal. No caso de novo empate a decisão será nas disputa por penalidades máximas. Em 2014 o Presidente Olegário venceu a primeira partida por 1 x 0 no Castilhão e no jogo da volta empatou em 1 x 1 eliminando o Paranaíba. Na ocasião o público pagante foi de 454 torcedores fora os sócio torcedores.

O jogador Marcel fez uma partida excepcional e foi eleito o destaque do jogo. O goleiro Arlem, o atacante Guma e o centroavante Saulo também merecem destaques pelo Paranaíba. No Presidente Olegário o goleiro Wesley, o volante Daniel Floripe, o lateral Poneis e os atacantes Henrique Cavalo e Frank também se destacaram.

Presidente Olegário: Weslley, Cristiano Neném, Thiago Silva, Diego, Pôneis (Luciano Neném), Daniel Floripe (Robinho), Ésio (Weller), Thiaguito, Danielzinho (Andrezinho), Henrique Cavalo (Charles) e Frank, Técnico Cleiton Rogério    

Paranaíba do Carmo: Arlem, Ronaldo, Guina, Gamarra, Bruno, Luiz Bispo, Rudson (Gabriel Góes), Wilian Paulino (Serginho), Saulo (Guilherminho), Guma (Vinicius), Técnico Erick Borges

Arbitro: Vanderlei Silva       Aux 1: Clécio Caetano Pereira    Aux 2: Willian Pereira de Andrade 

Cartões Amarelos: Ézio, Thiaguito   (PO) - Luiz Bispo, Rudson (PEC)

Por Alexandre Oliveira

Fotos: Carlos Eduardo

 

 

 

Galeria de fotos: REGIONAL LPD: PARANAÍBA FICA DUAS VEZES A FRENTE MAS SOFRE EMPATE NO FINAL E DEIXA ESCAPAR A VANTAGEM PARA O JOGO DA VOLTA.